Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

...o avesso de mim!

Eu achava-me aparentemente normal, até descobrir...

O "nosso" t2...

...Kitchenette!

sala-e-kitchenette-56812.jpg

A primeira semana nesta “nova” casa, está prestes a terminar e o saldo para já tem tanto de positivo como negativo.
Felizmente como já referi anteriormente, ficamos felizes por ter encontrado um local para ficarmos, desta vez sem prazos de permanência, portanto quando a casa ficar pronta, deixamos esta sem estarmos dependentes de um contrato!
Para chegarmos a casa, temos de atravessar a garagem e o pátio da casa da senhoria, sendo este um fator que acaba por nos retirar alguma privacidade, contudo desde o momento que entramos e fechamos a porta, estamos sossegados!
A senhoria é uma simpatia, senhora já com alguma idade, mas sempre pronta a ajudar no que precisamos, ainda ontem trouxe-nos mais um cobertor para o caso de sentirmos frio…A verdade é que a casa é bastante gelada, mas como o Verão aproxima-se temos fé de sobreviver ao resto do Inverno sem virarmos cubos de gelo!
A casa que deixamos na segunda-feira, fizemos questão de a entregarmos conforme a encontramos, ou seja, completamente limpa!
Temos o hábito de ouvir falar de guerras entre inquilinos e senhorios, quer seja pela limpeza ou pelos pagamentos em atraso, nós tentamos fazer com que ninguém tenha o que dizer acerca da nossa estadia em cada sítio por onde passamos!
Nesta casa, infelizmente a limpeza tivemos que a fazer nós mesmos, não que estivesse num péssimo estado, até porque acredito que a senhoria tenha tentado dar um jeito, contudo móveis de cozinha, cadeiras, mesa, azulejos estavam a precisar de uma limpeza bem profunda, algo que eu próprio acabei por fazer hoje mesmo, ainda assim a maioria da louça que se encontra nos armários vai ser lavada também!
É um pequeno t2 contudo Kitchnette, onde a cozinha e sala se tornam um espaço só, bem iluminado visto ter duas clarabóias!
Estamos ainda mais perto do mar, daqui ouço-o neste momento, sabe bem! E assim que saio do portão de casa, a praia dista de apenas uns 20 metros!
Tem o mau, mas também tem o bom, foi o local que nos apareceu para podermos esperar que a casa fique pronta, portanto, mesmo que não nos sintamos muito confortáveis, sabemos que será temporário!

(Ainda estou à espera que nos instalem os serviços de internet cá em casa o que deverá acontecer só lá para meados do mês! Tentarei estar presente por aqui sempre que os dados móveis deixarem!)

Fusilli, camarão, chouriço e tomate frito

depositphotos_94553728-stock-photo-fusilli-with-sh


Para hoje, uma nova receita que gostamos de fazer cá em casa!
Confesso que este é daqueles pratos que não consigo comer apenas uma dose, repito sempre e ainda assim se pudesse comeria mais vezes.
Da última vez, levei um pouco para o meu almoço no trabalho, acreditam que tive colegas a penicar no meu 'tacho'? Diziam eles que de aspecto estava fantástico, mas que de sabor estava fenomenal!
E depois encho-me de orgulho dos nossos dotes culinários!


 


 Ingredientes



  • 400 g fusilli

  • 600 g camarão cozido

  • 200g chouriço picante

  • 4 colheres de sopa azeite

  • 2 dentes de alho picados

  • 250 ml polpa de tomate frito

  • 10 folhas de manjericão fresco

  • 50 ml vinho branco

  • 1 colher de sopa óleo

  • sal


 


Preparação



  1. Começamos por cozer a massa. Pomos água a ferver com sal e um fio de óleo (1 colher de sopa). Quando a água estiver a ferver deitamos a massa e deixamos cozer cerca de 10 minutos. Vá provando a massa, deverá ficar “al dente” , ligeiramente dura, não a deixe cozer demais! Escorremos e passamos por água fria.

  2. Enquanto a massa coze preparamos o molho.
    Descascamos os camarões cozidos e reservamos uns 8/10 para decoração (o camarão pode ser comprado já cozido ou podemos cozê-lo em casa).

  3. Tiramos a pelo ao chouriço e cortamos às rodelas – reservamos.

  4. Numa frigideira pomos 4 colheres de sopa de azeite e levamos o chouriço a fritar. Juntamos o alho picado e deixamos fritar mais um pouco.

  5. Deitamos o vinho e deixamos ferver para que evapore. De seguida, deitamos a polpa de tomate e deixamos cozinhar cerca de 5 a 7 minutos. Para finalizar juntamos as folhas de manjericão e os camarões descascados e deixamos cozinhar cerca de 2 ou 3 minutos.

  6. Misturamos a massa neste molho e servimos. Utilizamos os camarões que não descascamos para decorar.


Bom apetite!

A cozinha em casa...

Risotto de cogumelos e bacon


risoto-de-cogumelos-e-bacon--md-145180p217223.jpg


Hoje inicio aqui uma nova rubrica, a cozinha em casa e o que de melhor vamos fazendo quando temos disponibilidade e tempo. A cozinha não é o meu forte, mas juntos chegamos lá...
Para a estreia deste espaço de culinária aqui no blogue, partilho convosco o prato de hoje, Risotto de Cogumelos e Bacon.
Confesso que não é fácil atingirmos o ponto R, como quem diz o ponto ideal de cozedura do risotto, mas depois de aprendermos já não existe mais margem de erro!
Vamos à receita?

Ora então, as medidas que apresentamos são para quatro pessoas.



  • 1 cebola pequena

  • 1 dente de alho

  • 50 g de margarina Vaqueiro

  • 50 g de bacon em tirinhas finas

  • 200 g de cogumelos

  • 200 g de risotto 

  • 0,5 dl de bom vinho branco

  • 6 dl de caldo de galinha (ou água)

  • sal

  • 50 g de queijo parmesão

  • pimenta em grão



A preparação:

 


Picar finamente a cebola e o dente de alho e  refogar em metade da margarina Vaqueiro. 
Deixar alourar ligeiramente e adicionar o bacon em tirinhas finas.
Lavar e picar os cogumelos e juntar ao refogado.
Deixar saltear. 

Adicionar o risotto, envolver e regar com o vinho branco.
Deixar evaporar um pouco, mexendo, sobre lume brando.
Adicionar o caldo de galinha, ou a água, a pouco e pouco, à medida que for necessário, mexendo sempre fazendo movimentos em 8.

Temperar com sal e, quando o arroz estiver "al dente", juntar o queijo parmesão, ralado no momento.

Deixãr incorporar mexendo sempre. 
Retirar do lume e adicionar a restante margarina Vaqueiro.
Continuar a mexer, sempre com o mesmo movimento em 8 e temperar com pimenta, moída na altura.

Vão experimentar ou é já um prato que confeccionam de forma recorrente?

Bom apetite.