Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

...o avesso de mim!

Eu achava-me aparentemente normal, até descobrir...

Metes-me nojo

Na-comarca-de-Caratinga-são-1600-inquéritos-em-a

Metes-me nojo!

Metes-me nojo como ser humano!

Sim tu...não imaginas o asco, o fastio, a náusea!
Tu que usas da força, ousas levantar a mão a um ser indefeso!
Tu que te lanças sobre um ser indefeso e despejas toda a tua raiva, digo-te, enfia essa raiva no...
Tu sabes bem onde a deverias enfiar!
Repugnas-me, porque não conseguiste controlar-te!
Causas-me repulsa, porque infelizmente agrediste!
És grotesco, bateste, pisaste, fizeste sangrar, mataste...
És um animal!
E tu sabes disso...
Mas não te envergonhas perante uma sociedade inteira que te acusa e recrimina!
És lixo, és podridão!
Não ousaste enfrentar um semelhante a ti, preferiste antes mostrar a tua força num ser indefeso!
Não viraste as costas, não procuraste ajuda, não pensaste sequer duas vezes, simplesmente mataste!
Mais uma vez, és lixo, não mereces sequer que falemos de ti, merecias antes apodrecer na prisão!
Justiça cega esta que não condena na mesma moeda!
Justiça cega que ainda ousa em dar-vos razão, como se matar ou simplesmente agredir uma mulher tenha uma desculpa plausível!
Sim tu ser ignóbil, metes-me nojo!
És um nojo!

 

No dia de todas as mulheres, um grito de revolta!

Basta! Basta de violencia doméstica!
Não podemos calar a voz!
Chega de silêncio!

16 comentários

Comentar post